SARMs

Os moduladores seletivos do receptor de andrógeno (SARMs) são uma classe de compostos terapêuticos que possuem propriedades semelhantes aos agentes anabólicos, mas com propriedades androgênicas reduzidas. Esta propriedade permite aos SARMs a vantagem da especificidade do receptor de andrógeno, seletividade do tecido e a falta de efeitos colaterais relacionados aos esteróides. Alguns efeitos colaterais potenciais do uso de esteróides anabolizantes incluem acne, danos ao fígado, desenvolvimento do tecido mamário e encolhimento do testículo em homens e aumento da voz, crescimento de pelos no rosto, estômago, parte superior das costas e ciclos menstruais anormais em mulheres . Os SARMs têm a capacidade de diferenciar entre atividades anabólicas e androgênicas, e isso fornece o potencial para oportunidades terapêuticas em uma variedade de condições médicas, incluindo doenças de perda muscular, osteoporose, câncer e hipogonadismo.

Os esteróides androgênicos são conhecidos por aumentar o desenvolvimento muscular, mas são acompanhados por uma série de efeitos indesejáveis.

Para os homens, isso geralmente significa coisas como acne, desenvolvimento dos seios (ginecomastia), aumento da próstata e diminuição dos testículos.

As mulheres podem apresentar aumento do crescimento de pelos corporais, acne e aumento do tamanho do clitóris.

Problemas de saúde mais sérios incluem danos ao fígado e inúmeras complicações cardiovasculares, incluindo aumento do risco de ataque cardíaco e coágulos sanguíneos.

Os SARMs representam potencialmente um passo em direção a uma classe mais segura de drogas androgênicas. Eles “reviveram uma busca quase adormecida por andrógenos aprimorados”, escreveram pesquisadores no Journal of Medicinal Chemistry.

Dalton observa que até agora os medicamentos são “geralmente bem tolerados” em testes clínicos, mas nenhum deles jamais alcançou a aprovação final por um órgão regulador.

A mostrar todos os 6 resultados